Reportagem TV Aparecida sobre Pousada no Pantanal e Lida do Peão com Senepol

Raça Senepol pode reforçar produção da pecuária sustentável no país

A raça Senepol, que chegou há 17 anos no Brasil, vem ocupando espaço crescente no rebanho nacional, o que pode contribuir, e muito, com a pecuária sustentável. Para ter uma ideia do avanço desse “gado vermelho”, originário das Ilhas Virgens (Saint Croix, no Caribe) e indicado para o cruzamento industrial, o total de animais registrados pela Associação Brasileira de Criadores de Bovinos Senepol (ABCB Senepol) alcançou 55.892 de cabeças em 2016, um aumento de 27% em comparação ao ano anterior.

“O Senepol traz muitos benefícios para o criador e também para uma pecuária eficiente, de ciclo curto, sustentável, aquela que produz alimento nobre, saudável, nutritivo e de elevada qualidade”, afirma Pedro Crosara, que assumiu neste mês a presidência da Associação e ficará na gestão até 2020.

Veja reportagem completa no site da Sociedade Nacional da Agricultura:

http://sna.agr.br/raca-senepol-pode-reforcar-producao-da-pecuaria-sustentavel-no-pais/

RAZOR DA LASA - FOTO SEMEX

Tombou um Gigante: Morre Razor da Lasa

Tombou um Gigante: Morre Razor da Lasa

É com muito pesar que a familia Senepol SAN dá a noticia que morreu o Touro Senepol Razor da Lasa.

Ele era um animal incrível, que agregou muito a raça. Transmitia tudo o que o Senepol representa.
Dócil e forte, passou para seus descendentes muita musculosidade e qualidade de carne.

Era um touro top 0,5% do Sumário Geneplus Embrapa e foi utilizado em larga escala para cruzamento industrial e em planteis puros.

Foi campeão de ganho de peso do 1° CP – Centro de Performance da Lagoa da Serra em 2008 e destaque no Sumário Geneplus Embrapa de 2013 com melhor indice geral.

Consagrado com acurácia acima de 40% para peso na desmama ou sobreano. Possuia mais filhos avaliados que seu pai, o PRR 840 ET.

Na IATF já era considerado destaque para IATF pelos altos índices de prenhez obtidos.

Morreu aos 10 anos e estava na Central de coleta de sêmen.

logo canal rural

Fantástica série de reportagens do Canal Rural sobre a origem e a raça Senepol no Brasil.

Boa tarde, amigo produtor!!

Assista aos três episódios, do documentário produzido pelo Canal Rural: Senepol – A Raça do Futuro.

O Canal Rural apresenta um documentário exclusivo sobre uma das raças bovinas mais promissoras da pecuária brasileira, Senepol – a raça do futuro. Em cerca de 20 dias, nossa equipe percorreu várias cidades d intoerior da Flórida nos Estados Unidos.

Também visitou a ilha onde ocorreu o primeiro cruzamento entre bovinos red poll e n´dama (vindos do Senegal), dando origem à raça. Foram mais de 20 horas de imagens incríveis e depoimentos emocionantes. Entrevistados de várias partes do mundo têm a dizer sobre o surgimento do gado de pelo curto e marrom. Assista ao primeiro dos três episódios do documentário.

Assista!

1º Episódio: http://www.canalrural.com.br/videos/programas/senepol-raca-futuro-estreia-canal-rural-76847
2º Episódio: http://www.canalrural.com.br/videos/sites-e-especiais/senepol-raca-futuro-episodio-76997

3º Episódio:  http://www.canalrural.com.br/videos/sites-e-especiais/senepol-raca-futuro-episodio-77324

Fantástica série de reportagens sobre a origem e a raça Senepol no Brasil. Imperdível!!!

Por Carol Coelh0 – Senepol SAN – Genética de Peso!

gran-coroa-da-san-san-1758

Senepol e Cavalo Quarto de Milha realizam Leilão do Bem

Acontecerá no dia 25 de Janeiro o Leilão do Bem, um leilão beneficente em prol do Hospital do Câncer de Campo Grande – MS. Serão ofertados 15 animais Quarto de Milha PO e 23 Novilhas Senepol PO. O evento será realizado por um grupo de criadores de Senepol e Quarto de Milha que tem em comum a vontade de ajudar ao proximo.

O criatório Senepol SAN estará participando doando uma novilha Senepol, a Gran-Coroa da SAN, uma jovem fêmea, comprida, de muita carcaça. Filha do PRR 940H, touro importado com poucos filhos no Brasil. Seu avô materno é o Baol da Gral, touro que carrega altas DEPs sendo Elite para diversas características no Geneplus Empraba.

Senepol e Cavalo Quarto de Milha realizam Leilão do Bem

Senepol SAN – venda permanente de touros e matrizes/doadoras, sêmen e embrião da raça Senepol. Em nosso site você encontrará mais informações sobre nosso trabalho.

Abraços e até a próxima, Carolina Coelho – Senepol SAN – Genética de Peso
www.senepolsan.com.br – (67) 9980-9044 – carol@fazenadasanfrancisco.tur.br

sou-senepol-01

PROGRAMAÇÃO – SEMANA SOU SENEPOL – Expogrande 2017

 ** Programação prévia sujeita à alterações.
Dia 30 de Março – Abertura Oficial da Expogrande 2017
                        Local: Acrissul
                        Horário: A confirmar
Dia 02 de Abril – Coquetel de Boas-vindas
                        Local: Acrissul, pavilhões Sou Senepol
                        Horário: A partir das 17 horas
Dia 03 de Abril – Dia de Campo PADS na Embrapa
Temas:

– Entrega dos resultados da PADS SENEPOL 6ª Edição com Gilberto Menezes e Lucas N. Silva

– Precocidade sexual e adaptação do Senepol –  Apresentação dos resultados da Pesquisa de campo  Prof. Eliane Silva – UFMS.⁠⁠⁠⁠
                        Local: Embrapa Gado de Corte, Campo Grande/MS
                        Horário: A partir das 9 horas
                       – Desfiles de animais Senepol SAN
                        Local: Pavilhões Sou Senepol, Acrissul
                        Horário: A partir das 19h00
                      – 6º Leilão Elite Senepol San e Convidados
                        Local: Tatersal Hélio Coelho, Acrissul
                        Horário: A partir das 20 horas
Dia 04 de Abril – Assembléia ABCB Senepol
                        Local: Auditório da Acrissul
                        Horário: A partir das 9 horas
                      – Desfiles de animais – Deusas Senepol CMI
                        Local: Pavilhões Sou Senepol, Acrissul
                        Horário: A partir das 18h30
                      – Leilão Deusas Senepol CMI e Convidados
                        Local: Tatersal Hélio Coelho, Acrissul
                        Horario: 20 horas
Dia 05 de Abril – Encontro Divas do Senepol
                        Local: Espaço Gourmet do Canal do Boi
                        Horário: A partir das 9 horas
                       – Desfiles de animais – Pérolas do Senepol
                         Local: Pavilhões Sou Senepol, Acrissul
                         Horário: A partir das 18h30
                       – Leilão Pérolas do Senepol
                         Local: Tatersal Hélio Coelho, Acrissul
                         Horário: 20 horas
Dia 06 de Abril – Leilão Reprodutores Senepol MS
                        Local: Tatersal Hélio Coelho, Acrissul
                        Horário: 20 horas
2- SOBRE OS LEILÕES*:
Transmissão: Canal do Boi
Leiloeira: Programa Leilões

Pecuária e defensivos são vítimas de ataques e desinformação

Pecuária e defensivos são vítimas de ataques e desinformação

Por MARCOS JANK

Fonte: Mauro Zafalon/Folhapress

Avanços notáveis têm acontecido no tema da sustentabilidade da agricultura brasileira, seja pela aplicação mais rigorosa das leis, seja pelo uso generalizado de técnicas conservacionistas que trazem ganhos econômicos para os produtores.

Melhorou também o diálogo e a parceria entre empresas, associações, ONGs e grupos de pesquisa, como a Coalizão Brasil Clima Agricultura, Florestas e Agricultura e o Grupo Técnico da Pecuária Sustentável (GTPS), que tem desenvolvido parcerias interessantes e inovadoras.

Porém, no debate atual chamam a atenção dois mitos que continuam sendo repetidos ad nauseam, sem a necessária evidência dos fatos. O primeiro é a acusação de um persistente atraso na pecuária de corte brasileira e o outro é um suposto uso excessivo de defensivos agrícolas pela agricultura. Esses dois pontos foram levantados em eventos ocorridos na Conferência do Clima em Marrakech, em recente evento no Insper e agora em um artigo desnecessariamente espinhoso de Daniela Chiaretti no “Valor Econômico” de 5/12, intitulado “As bravatas de Blairo”.

Utilizamos uma frase deste artigo para tratar da questão do uso de defensivos na agricultura tropical brasileira: “O Brasil é líder inconteste no uso de venenos lançados sobre o campo, colheitas, trabalhadores, índios, donos de terras, animais, solo, água, produtos agrícolas e consumidores”.

Não é de espantar que o Brasil, com uma agricultura situada entre as maiores e mais produtivas do mundo, seja o país que apresenta o maior consumo de defensivos, erroneamente chamados de “veneno”.

Ocorre, porém, que o correto não é comparar consumo absoluto, mas sim o relativo, por hectare ou por unidade de produto gerada. Nosso consumo médio de defensivos é de 5 kg de ingredientes ativos por hectare, bem abaixo do observado na Holanda (20,8 kg), no Japão (17,5 kg) e na Bélgica (12 kg), países que gostam de apontar o dedo contra o Brasil.

Um estudo da Kleffmann mostra que, enquanto o uso de defensivos por unidade produzida cresce 120% na China e 47% na Argentina desde 2004, no Brasil ele decresce 3%.

E, ao contrário dos países de clima temperado, que contam com o inverno e a neve para quebrar o ciclo das pragas e doenças, aqui se produz o ano todo sob clima quente e úmido, sendo que em muitos lugares fazemos duas ou até três safras na mesma área.

Especialistas afirmam que, se os defensivos não fossem utilizados, a produção agrícola sofreria uma redução da ordem de 50%, que certamente provocaria desmatamentos adicionais, além do risco de forte elevação dos preços dos alimentos.

Já em relação à pecuária de corte, não há dúvida de que existe grande disparidade na produtividade do gado e das pastagens. Mas ainda assim a evolução do campo foi fantástica: entre 1990 e hoje, a área ocupada com pastagens caiu de 188 milhões para 167 milhões de hectares, ao mesmo tempo em que o rebanho aumentou de 147 milhões para 214 milhões de cabeças, o maior do mundo. Em 2015, a produtividade chegou a 60 kg de carne/hectare, ao crescer impressionantes 143% no período.

Se os 10 milhões de toneladas de carcaça de 2015 fossem produzidos com a tecnologia do início da década de 1990, a pecuária estaria usando não 167 milhões, mas sim 400 milhões de hectares, o que acarretaria em muito desmatamento. Isso comprova que os ganhos da pecuária são evidentes, ainda que heterogêneos.

O “aprimoramento continuo” da sustentabilidade agropecuária brasileira é um fato inconteste. Ainda temos um longo caminho pela frente, mas não há um único país que tenha avançado em produtividade e conservação ambiental na mesma escala que o Brasil nos últimos 25 anos.

Por Marcos Sawaya Jank
Especialista em questões globais do agronegócio. Vive em Cingapura.

Escreve aos sábados, a cada duas semanas.
Contato: marcos@jank.com.br

O Pantanal é lugar de laço comprido e Cavalo Crioulo!!!

O Pantanal é lugar de laçador!

Dias 10 e 11 de dezembro a Fazenda San Francisco espera você para o 4º Treinão Entre Amigos da SAN, Cabanha Crioulo Onça-Pintada.

A disputa é aberta para todas as raças com premiação extra para o Cavalo Crioulo.

Como se trata de um treinão, estão previstas a seguintes categorias com premiação:

Força A/Ouro – 1º (Potro Crioulo e Trofeu) e 2º lugar (R$)
Forca B/Prata – 1º (Troféu + R$) e 2º lugar (R$)
Amazonas – (R$)
Mirim – (R$)
Individual – Troféu

Importante: Premiação do Potro será válida a partir de 15 equipes inscritas pagantes conforme no informado no convite.

PROGRAMAÇÃO
SÁBADO 12h30
Conferencia dos exames (IAGRO presente) e Inscrições
13h00 – Início Classificatórias Equipes
Cadastro dos cavalos crioulos para vaca gorda milionária no domingo.
Apos todos cadastrados inicio das inscrições.
16h30 – Início Vaca Gorda (para todas as raças)
Caarapé Amigos da SAN até as 22h

DOMINGO
7H00 – Inicio
Vaca Gorda Milionária do Crioulo
Classificatórias Equipes
12h00 – Almoço – 20,00
Tarde – finais

Sejam bem vindos e boa laçada!
Carol, Andrea e Equipe Crioulo Onça-Pintada

Senepol SAN Genetica de peso - matrizes Senepol

PADS Senepol realiza pesagem dos animais avaliados

Aconteceu no dia 18/11/2016 a Pesagem intermediária 2 da 6a edição da PADS – Prova de Avaliação de Desempenho a Pasto do Senepol.
 
Nesta edição estão participando 13 Criatórios , sendo:
 
FAZENDA BAMA
SENEPOL CMI
SENEPOL GOUD
SENEPOL MARP
SENEPOL PANTANAL
SENEPOL PARANOÁ
SENEPOL RUBI
SENEPOL SACRAMENTO
SENEPOL SAN
SENEPOL TAMAR
SENEPOL TAQUARI
NEO SENEPOL
ZELIA BELODI SENEPOL
 
O NBM Senepol – Núcleo Brasileiro de Melhoramento Genético da raça Senepol, promotora da PADS Senepol, agradece a todos os criadores e às empresas parceiras pela participação e confiança depositados neste trabalho que traz significativos benefícios para a raça Senepol.
 
Por: Carolina Coelho – Assessoria MKT PADS Senepol (67) 9-9980-9044 – senepolpads@gmail.com
https://www.facebook.com/PADSSENEPOL/
reportagem-pousadapantanal-senepolsan20

Crioulo Onça-Pintada é tema de reportagem no Programa Cavalos Crioulos do Canal Rural

Reportagem Programa Cavalos Crioulos do Canal Rural sobre o Pantanal e a Cabanha Onça-Pintada. Belíssima reportagem que mostra o Pantanal, sua fauna e flora e a integração com a atividade pecuária, criação de Senepol e Cavalo Crioulo num dos ambientes mais rústicos do Brasil.

Um abraço, Carol – Cavalo Crioulo Cabanha Onça-Pintada

Adrenalina ou paixão, a rédea em suas mãos

prova-max-performance-senepol-abspecplan

RESULTADO DA PROVA MAX PERFORMANCE ATESTA ELEVADO GANHO DE PESO DO SENEPOL

 

A 2ª MAX Performance Senepol avaliou por quatro meses 107 animais da raça Senepol, sendo 59 machos e 48 fêmeas, de 22 criatórios brasileiros. A prova foi realizada em confinamento a céu aberto na Fazenda Santa Juliana, no município de Mote Alegre de Minas – MG. Ao todo, foram 130 dias de teste, sendo 40 dias de adaptação e, posteriormente, pesagem para adequação da dieta mensalmente.

O grande campeão foi 3M 033, entre os machos, e BARRA 072 se destacou entre as fêmeas. Os dois foram os melhores avaliados na soma de mais de 10 características. Entre elas, estão Peso, Perímetro Escrotal, Espessura de Gordura Subcutânea, Marmoreio, Conformação e Musculatura. “São pontos importantes que mostram que a prova busca identificar animais harmônicos precoces e produtivos, valorizando os fatores que o mercado procura. Sem dúvida o teste é uma ferramenta que contribui para o melhoramento genético da raça Senepol”, ressalta o organizador da prova Nilson Gamba Júnior.

Entre os resultados que chamaram a atenção estão GPD (Ganho de Peso Diário) de mais de 2,1kg entre os machos e 1,8kg entre as fêmeas. A média diária do lote ficou em 1,330kg, entre os machos, e superior a 1kg/dia também entre as fêmeas.

O número de inscritos teve elevação de 150% em comparação ao ano passado, quando participaram 40 animais. “A 2ª MAX Performance Senepol teve um crescimento no volume de animais participantes, garantindo avaliação de grande variabilidade genética e comprovando com ainda mais precisão a qualidade dos animais”, comemora Júnior.

Alguns dos melhores exemplares avaliados na prova serão leiloados no dia 3 de dezembro, em remate com transmissão ao vivo pelo Canal do Boi, a partir das 14h.

A prova MAX Performance Senepol teve sua primeira edição em 2015. São parceiros da prova: a ABCB Senepol, a ABS, a IVB, o programa Geneplus Embrapa, a R&S Consultoria, a Cesaro Comércio e Representação Ltda. e a Aval.

Fonte: Assessoria de Imprensa